Postagem em destaque

Autoeficácia nas palavras do próprio Albert Bandura

Este artigo traduzido faz parte dos meus estudos de doutorado. Ele fornece um referencial teórico importante para estudantes e professores...

domingo, 26 de setembro de 2010

Como é perder um paciente?

Felizmente tive poucos pacientes que evoluíram para o óbito. Todavia, todo médico irá perder pacientes ao longo de sua vida profissional. O impacto emocional para mim existe e é sempre ruim, especialmente quando você acredita na recuperação do paciente que falece. Infelizmente, a força da enfermidade pode ser superior às medidas terapêuticas disponíveis. O que me faz seguir no ofício, apesar das eventuais e inevitáveis perdas, é saber que muitas vidas eu salvei ou mudei para melhor.

Estudar sempre e praticar a Medicina com muito amor é chave para fazer a diferença para o bem, não apenas para as pessoas que atedemos, mas para as pessoas que trabalham conosco.

Ask me anything

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...